Publicado por: Alvaro Camargo | 3 de outubro de 2009

Técnica de Delphi para identificação de riscos

Oráculo de DelphiA técnica de Delphi é frequentemente citada em manuais de gerenciamento de riscos em projetos. Mas nem todos sabem o que é como aplicar essa técnica.

O presente post busca fornecer um esclarecimento a respeito do uso dessa técnica em gerenciamento de projetos.

Técnica de Delphi: o quê é?

Trata-se de uma técnica que pode ser usada para obter consenso a respeito dos riscos de um projeto. Note que a técnica de Delphi pode ser usada para obter qualquer tipo de consenso entre pessoas. Não é uma técnica apenas para identificação de riscos. O presente texto explica apenas o uso da técnica de Delphi para identificação de riscos em projetos.

Passos para usar a técnica de Delphi

  1. Defina o grupo que vai participar do processo.
  2. Envie questionários para cada participante e solicite sua opinião com relação aos riscos mais importantes. Peça para priorizar os riscos.
  3. Reuna todas as opiniões dadas pelos participantes e compile tudo numa só lista sem a identificação dos participantes.
  4. Envie a lista compilada para cada especialista e peça para revisar a lista de riscos. Pergunte se a lista deve ser revisada com algum risco adicional ou se a ordem dos riscos deve ser alterada.
  5. Tente obter consenso das respostas dadas. Se necessário repita o processo várias vezes até obter um consenso ou pelo menos chegar próximo de um consenso.

Vantagens da técnica Delphi

  • Tecnica adequada para obter consenso entre especialistas
  • Processo pode ser feito virtualmente
  • Pode focar em detalhes do projeto ou no projeto como um todo.

Desvantagens da técnica de Delphi

  • É um processo demorado.
  • Requer habilidade para interpretar as opiniões.
About these ads

Responses

  1. Sou diretor de tecnologia e serviços de uma empresa de engenharia que faz parte da cadeia de suprimentos da industria de óleo&gás. Tomei conhecimento da Técnica de Delphi no curso de gerenciamento de projetos que estou terminando na FGV. Achei bastante interessante principalmente em função da força em obter o consenso e principalmente em deixar as pessoas à vontade para expressar sua opinião sem as pressões que existem em reuniões com stakeholders com diferentes interesses e hierarquias. Estou começando a usar na companhia.

    • Oi Arnaldo. Fico feliz que você tenha gostado da técnica. De fato é muito útil em certos tipos de situação. Desejo sucesso nos seus projetos. Alvaro Camargo


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 418 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: